Arqueólogos exploram Golfo de Aqaba

arquivo – Notícias de mergulhoArqueólogos exploram o Golfo de Aqaba

Localizar os restos submersos da cidade de Ayla será o objetivo dos arqueólogos jordanianos e egípcios em julho, quando realizarem a sua primeira escavação subaquática no Golfo de Aqaba.

Diz-se que Ayla foi o primeiro porto do Mar Vermelho e a primeira cidade islâmica a ser construída fora da Península Arábica.

Ruínas podem ser vistas hoje a noroeste da cidade de Aqaba, mas depois de examinar os primeiros textos e imagens, a Sociedade Real de Conservação Marinha da Jordânia (JREDS) acredita que mais vestígios podem ser encontrados debaixo d'água.

Ayla foi fundada em meados do século VII dC e prosperou até o período das Cruzadas no final do século XII, quando sofreu não apenas cercos, mas também terremotos.

Se for possível estabelecer que ainda existem vestígios no mar, a intenção é protegê-los e promovê-los como património turístico e cultural.

“A descoberta de sítios arqueológicos subaquáticos também ajudará a proteger os frágeis recifes de coral de Aqaba, direcionando o interesse dos mergulhadores para outros locais subaquáticos”, disse Ihab Eid, Diretor Executivo do JREDS, ao Jordan Times.

O projeto está sendo financiado pelo Projeto Patrimônio Cultural Sustentável através do Engajamento das Comunidades Locais da USAID.

Divernet – O Maior Online Recurso para mergulhadores

08-May-17

VAMOS MANTER CONTATO!

Receba um resumo semanal de todas as notícias e artigos da Divernet Máscara de mergulho
Não fazemos spam! Leia nosso política de privacidade para mais informações.
Subscrever
Receber por
convidado

0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Entre em contato

0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x