Corais desafiam o aquecimento global em Musandam

arquivo – Notícias de mergulhoCorais desafiam o aquecimento global em Musandam

The coral reefs of northern Oman’s Musandam peninsula are thriving in what would be considered a “marginal and highly challenging” environment elsewhere in the world – and may hold the key to coral survival in the face of global warming.

Essa é a mensagem positiva da nona pesquisa anual da Biosphere Expeditions sobre a atração de mergulho no Golfo Arábico – em total contraste com os avisos apocalípticos da ONG sobre os recifes das Maldivas. relatado na Divernet três semanas atrás

So should divers be packing their sacos for Oman?

A resistência dos corais Musandam a condições extremas, como salinidade e temperaturas elevadas, é “notável”, afirmam os autores do relatório, o cientista expedicionário Dr. Jean-Luc Solandt da Sociedade de Conservação Marinha e fundador da Expedições da Biosfera, Dr. Matthias Hammer.

Os cientistas encontraram uma cobertura saudável de corais de 25 a 89%, mesmo em profundidades inferiores a 10 m, e “poucas evidências de qualquer doença, branqueamento ou predação dos corais”, descrevendo isso como notável, considerando os efeitos do recente evento El Niño em outras partes do Oceano Índico. .

O facto de muitos locais albergarem colónias de corais porites muito grandes indicou que não ocorreram eventos prejudiciais significativos durante pelo menos 400 anos.

“Intact and undisturbed reefs are sadly very rare these days,“ says Dr Hammer. “The resilient Musandam corals may also hold the key to reef survival around the world. For these reasons they must be protected and studied”.

No entanto, o relatório cita ameaças à região, incluindo a pesca excessiva, ciclones, proliferação de algas e extensos desenvolvimentos costeiros, sendo o desaparecimento da garoupa e da lagosta um indicador de que nem tudo está bem.

A Expedições da Biosfera recomenda que o governo de Omã estabeleça zonas de proteção marinha na península, na sequência da sua declaração de 2013 de que seriam criadas áreas protegidas.

“Temos visto pouca aplicação ou progresso desde então e instamos o governo a fazer mais”, disse o Dr. Hammer. “Omã tem esta comunidade de corais única, que é importante para o resto do mundo. E com isso também vem uma responsabilidade única.

“And where government fails, we now have civil society in Oman in the form of the success story of Reef Check Oman, founded earlier this year by graduates of our placement programme, which is designed to build capacity and empower local communities to run their own conservation programmes.”

A Biosphere Expeditions é membro da UICN e do Programa Ambiental da ONU. Os mergulhadores podem participar de suas pesquisas anuais SUA PARTICIPAÇÃO FAZ A DIFERENÇA.

Divernet – O Maior Online Recurso para mergulhadores

02-Sep-17

VAMOS MANTER CONTATO!

Receba um resumo semanal de todas as notícias e artigos da Divernet Máscara de mergulho
Não fazemos spam! Leia nosso política de privacidade para mais informações.
Subscrever
Receber por
convidado

0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Entre em contato

0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x