Bomba encontrada por mergulhadores detonada em Guernsey

NOTÍCIAS DE MERGULHO

Bomba encontrada por mergulhadores detonada em Guernsey

Foto: Guarda Costeira de Guernsey.

Uma carga anti-submarina de profundidade da Segunda Guerra Mundial encontrada por mergulhadores recreativos na ilha de Guernsey, no Canal da Mancha, no início deste mês, foi detonada cinco dias depois por uma equipe de mergulho de eliminação de material bélico explosivo (EOD) da Marinha Real.

Uma zona de exclusão de 200 m foi imposta ao tráfego marítimo após a descoberta perto da entrada da Marina Rainha Elizabeth II em St Peter Port. A equipe de mergulho inspecionou o dispositivo cilíndrico de 1m de comprimento, coberto de vegetação, que estava isolado na areia a uma profundidade de cerca de 7m.

A explosão controlada foi realizada no dia 15 de novembro ao meio-dia, programada para a maré baixa para minimizar o risco de uma onda de choque afetar o quebra-mar próximo.

25 Novembro de 2020

Guernsey foi ocupada pelas forças alemãs durante a guerra e a princípio pensou-se que a bomba fosse alemã ou britânica, mas a equipe do EOD acreditava que se tratava de um torpedo leve de carga de profundidade fabricado nos EUA contendo cerca de 100 kg de explosivos.

Um representante do RN expressou surpresa pelo fato de a bomba ter permanecido intacta e não detectada no fundo do mar por pelo menos 75 anos. As chances são de que ele tenha sido configurado para ser ativado em uma profundidade maior do que aquela em que foi lançado.

o maior

VAMOS MANTER CONTATO!

Receba um resumo semanal de todas as notícias e artigos da Divernet Máscara de mergulho
Não fazemos spam! Leia nosso política de privacidade para mais informações.
Subscrever
Receber por
convidado

0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Entre em contato

0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x