As dúvidas permanecem após a morte do mergulhador do Reino Unido

NOTÍCIAS DE MERGULHO

As dúvidas permanecem após a morte do mergulhador do Reino Unido

Byrom

Dra. Olivia Byrom.

A newly graduated British doctor died on Mexico’s Yucatan peninsula during an open-water course dive – and her instrutor called for her phone to seek advice rather than trying to rescue her.

Essa foi a afirmação feita num inquérito realizado em Bristol esta semana (24 de novembro) sobre a morte da Dra. Olivia Byrom em 8 de junho de 2018.

Pouco depois do incidente fatal, um amigo de Byrom contatou MERGULHADOR revista to say that her family had been left in the dark about the circumstances of her death. MERGULHADOR posteriormente contactou os principais centros de mergulho na área de Tulum para obter informações, mas parecia ter havido um apagão de notícias.

PADI disse MERGULHADOR at the time that a report had been filed and was under review, and that “there will be Quality Management action taken as a result of an incident occurring while the victim was in treinamento".

Byrom, 29 anos, viajou para o México com a amiga e colega médica Olivia Bird logo após concluir seu curso de medicina de seis anos na Universidade de Bristol.

Bird was a qualified PADI diver, though it is unclear to what level. She had enrolled on a refresher course and Byrom on a five-day entry-level course in the resort town of Tulum, though the name of the dive-centre was not given in reports on the inquest by the Bristol Post and Daily Mirror.

Coroner Jason Pegg heard that Byrom had dived on 5 and 6 June without issues, but had taken the following day off after showing signs of heatstroke. Feeling better on the day of the incident, she had gone for an 18m dive with her friend and an instrutor named only as Peggy.

It was not clear from the reports at which point if any on the dive the instrutor had left the other two divers. Bird told the coroner that Byrom “was ahead of me all the time, and I was conscious that when diving you need to be close to each other”. They had ascended a buoyline and carried out their 5m safety stop, during which she said Byrom had “seemed fine”.

They had stopped again 1.5m below the surface, and Bird said she had given the OK signal to Byrom before completing the ascent, but that she had shaken her head.

“Eu estava bastante confuso, não sabia realmente o que estava errado”, disse Bird ao legista. “Ela então se afastou de mim como se estivesse mexendo em alguma coisa.” Na superfície ela percebeu que Byrom não estava mais com ela, e olhando para baixo pôde vê-la descendo “quase horizontal – pensando bem, me pergunto se ela estava inconsciente”.

26 Novembro de 2020

Na superfície, Bird alertou o instrutor, que ela descreveu como “confuso”. Ela disse que, em vez de procurar a amiga, pediu a alguém que pegasse seu celular no carro para que ela pudesse ligar para um superior e pedir conselhos.

O corpo de Byrom foi posteriormente encontrado por outro mergulhador no fundo do mar, a 25 metros de profundidade. Uma autópsia mostrou que ela havia morrido por afogamento e que não havia outras condições médicas. Nenhum problema foi encontrado com seu BC ou outro equipamento de mergulho.

O legista comentou que, embora normalmente tivesse o poder de fazer um relatório para evitar o risco de futuras mortes deste tipo, a sua jurisdição não se estendia ao México.

“Houve uma demora na procura de assistência para Liv, o instrutor não desceu para resgatar Liv e o sistema de segurança instalado era inadequado”, disse ele, concluindo que Byrom morreu por afogamento causado por um acidente de mergulho. “Acho que os procedimentos em vigor e os mecanismos de segurança eram inadequados e isso contribuiu para a morte de Liv.”

o maior

VAMOS MANTER CONTATO!

Receba um resumo semanal de todas as notícias e artigos da Divernet Máscara de mergulho
Não fazemos spam! Leia nosso política de privacidade para mais informações.
Subscrever
Receber por
convidado

0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Entre em contato

0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x