Mundo do Desfoque

FOTO MERGULHADOR

O fotógrafo subaquático NICHOLAS MORE tornou-se associado a imagens desfocadas e recebeu vários prêmios para mostrar que se tornou um mestre na técnica. Aqui ele compartilha alguns de seus segredos.

Veja também: Fotógrafo subaquático que não se molha

Esta imagem de um tubarão azul foi vice-campeã na prestigiosa competição Underwater Photographer of the Year em 2017.

O desfoque de movimento é uma forma de incorporar movimento para ajudar a criar imagens que capturam poder e dinamismo. Uma velocidade lenta do obturador é usada com Sincronização de Cortina Frontal (FCS) ou Sincronização de Cortina Traseira (RCS), dependendo do efeito que você deseja obter.

FCS, o modo de sincronização padrão, é usado combinado com uma técnica de “panorâmica acelerada”. Os flashes disparam no início da exposição, congelando o assunto.

O movimento da câmera (panorâmica) na direção para a qual o assunto está voltado, combinado com a luz ambiente natural, desfoca o fundo para criar esses efeitos de movimento.

Panorâmica acelerada significa mover a câmera em sincronia com o assunto, acionando o obturador e depois continuar a mover e acelerar a câmera à frente do assunto.

1: Escola de snapper.
1: Escola de snapper.

A panorâmica rápida ou lenta determinará a quantidade de desfoque que o fotógrafo escolhe para renderizar na imagem final.

Você pode travar o foco (pré-foco) no botão Voltar ou usar o foco automático (AF) da câmera. Câmeras modernas, como a Nikon D500, têm AF extremamente rápido e a minha nunca me decepcionou.

Também defino os pontos AF para destacar o olho do sujeito. Você tem que controlar a “passagem” do sujeito posicionando-se na água para incentivá-lo a passar para um determinado lado.

Ao usar o FCS, você pode compor a foto com precisão e posicionar o objeto dentro do quadro, por meio do visor e do disparador do obturador. Isso permite uma imagem muito mais previsível.

A panorâmica também ajuda a remover distrações de fundo, como outros mergulhadores e suas bolhas, bem como a retroespalhamento.

Os recifes e outros objetos de fundo são renderizados com um efeito pictórico para produzir fundos agradáveis ​​que permitem que o objeto “estale”. (foto 1)

O RCS pode ser usado com a câmera parada. O obturador abre no início da exposição e os flashes disparam quando ele fecha.

2: Escola de patudo.
2: Escola de patudo.

Isso permite que o desfoque de movimento seja capturado em assuntos em primeiro plano em movimento, mas mantém o fundo relativamente nítido.

A desvantagem dessa técnica é que você não tem controle total da composição, porque o assunto pode ser errático e não nadar no quadro conforme o esperado.

Quando bem executadas, entretanto, as fotos tiradas com RCS têm uma sensação mais natural do que aquelas tiradas com FCS. (2)

Para fotografar desfoque de movimento, é essencial que a câmera esteja configurada para manual. A sincronização do flash deve ser definida como FCS ou RCS, dependendo da aparência da foto que você está tentando obter.

A velocidade do obturador, que é o que permite o desfoque da imagem, precisa estar entre 1/4 e 1/15 de segundo.

Quanto mais lento for, mais desfoque você poderá obter. Lembre-se, entretanto, de que diminuir a velocidade do obturador também permitirá a entrada de mais luz ambiente no sensor e pode levar à superexposição.

Uma pequena abertura (f/16-f/22) ajuda a minimizar a luz ambiente, mas também a controlar a luz estroboscópica e a garantir uma focagem nítida do motivo.

O ISO deve ser definido como baixo (50-200), novamente para minimizar a luz ambiente.

Os flashes duplos devem ser usados ​​em alta potência e colocados atrás das alças da caixa da câmera na posição de um quarto para três. É a luz estroboscópica que “congela” o objeto e a luz ambiente que permite o desfoque, então o truque é chegar perto do objeto para permitir que o estroboscópio domine qualquer luz ambiente/disponível.

A remoção dos difusores estroboscópicos cria luz direcional “dura” para iluminar e “congela” apenas o assunto em primeiro plano.

“In-lighting” também pode funcionar muito bem, para evitar a iluminação do fundo. Esse posicionamento e potência do estroboscópio normalmente resultariam em um retroespalhamento horrível, mas com a técnica de panorâmica o retroespalhamento fica desfocado e pode até aumentar o efeito geral.

Geralmente começo com ISO 100, 1/8 de segundo e f/18, com meus flashes quase na potência máxima. Se estiver muito claro, paro para ISO LOW/50, 1/15 ef/22, e se estiver muito escuro, ISO 200, ¼ seg ef/16.

Essas mesmas configurações podem ser usadas para produzir imagens criativas e artísticas, como redemoinhos ou desfoques de zoom.

A luz solar intensa com o sol diretamente acima resultará em superexposição devido às velocidades lentas do obturador necessárias para efeitos de desfoque de movimento.

Minimize a luz ambiente fotografando em dias nublados ou no início/final do dia. Em condições de muita luminosidade, filtros de densidade neutra podem ser usados ​​para controlar a luz ambiente excessiva.

Nem todos os assuntos são adequados para desfoque de movimento.

A técnica é adequada para assuntos dinâmicos ou para remover fundos que distraem, como a areia preta de Lembeh ao fotografar os residentes bentônicos, ou mergulhadores “bagunçados” e suas bolhas em uma cena grande angular. (3)

3: Desfoque de peixe-navalha.
3: Desfoque de peixe-navalha.

Os tubarões são uma escolha óbvia, mas é divertido experimentar outros assuntos para ver o que funciona. (4)

Em termos de composição, assuntos nadando paralelamente ou vindo para a câmera funcionam melhor. Também é essencial ter uma separação natural entre o assunto e o fundo.

Você precisa ter o olhar do assunto bem nítido para envolver o espectador, é claro, porque caso contrário, a imagem inteira será apenas um borrão!

4: Desfoque de arraia com manchas azuis.
4: Desfoque de arraia com manchas azuis.

Atirando ligeiramente para cima na janela de Snell, ou mesmo para o sol quando está baixo

no céu, confere à superfície um efeito pictórico e introduz sugestão de superfície, fundamental para que o público se envolva com a imagem.

Objetos e pessoas no fundo também criam profundidade nas imagens e ajudam a conduzir o espectador através do quadro e a se identificar com a imagem.

Um efeito de superfície muito agradável pode ser alcançado quando há uma leve oscilação – água calma é menos útil. Se estiver perfeitamente calmo, você deveria fotografar imagens superficiais e salpicadas de luz de qualquer maneira!

5: Redemoinho de esponja de tubo.
5: Redemoinho de esponja de tubo.

A técnica de obturador lento e desfoque de movimento também pode ser usada para produzir redemoinhos e outras imagens abstratas. (5, 6)

É importante ressaltar que as imagens desfocadas por movimento precisam de alguma edição de pós-produção, porque parecerão ligeiramente planas quando vistas da câmera.

Usando Adobe Lightroom ou Photoshop, adicionar clareza, contraste e vibração enquanto reduz os realces permitirá que as imagens realmente se destaquem. (7)

6: Resumo do peixe isca.
6: Resumo do peixe isca.

Imagens desfocadas por movimento bem-sucedidas exigem muita prática para refinar as habilidades necessárias e experiência para reconhecer assuntos e situações em potencial. A repetição, bem como a tentativa e erro para descobrir o que funciona, são essenciais.

Esteja preparado para se comprometer com a técnica e planejar mergulhos inteiros ou até mesmo viagens ao estilo para obter resultados agradáveis.

7: Desfoque de alimentação de tubarão-martelo.
7: Desfoque de alimentação de tubarão-martelo.

As imagens realmente se destacam e vão impulsionar o seu portfólio, além de atrair os jurados da competição.

Este artigo aparece como um capítulo na próxima quinta edição do O fotógrafo subaquático por Martin Edge. Siga Nicholas Mais em nicholasmore e @nicholasmoreuw

VAMOS MANTER CONTATO!

Receba um resumo semanal de todas as notícias e artigos da Divernet Máscara de mergulho
Não fazemos spam! Leia nosso política de privacidade para mais informações.
Subscrever
Receber por
convidado

0 Comentários
Comentários em linha
Ver todos os comentários

Entre em contato

0
Adoraria seus pensamentos, por favor, comente.x